sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Paz

"Misericórdia, e paz, e amor vos sejam multiplicados." Judas 1:2
A saudação mencionando a paz de Cristo é utilizada desde o início do cristianismo.
O mundo em que vivemos pede que oremos sempre pela paz. Precisamos de paz em todos os aspectos de nossa vida para que prossigamos tranquilos para nossos objetivos e para nosso alvo final, com Deus.
O que muitas pessoas desejam mais é poder viver harmoniosamente com suas famílias, desempenhar suas atividades com tranquilidade, ter uma vizinhança calma, dormir bem e despreocupadamente.
Que o Senhor Deus te dê a paz, leitor. Estarei orando por você!

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Renovação



E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus! Romanos 12:2

Mais um final de ano. Hoje à noite as pessoas vão-se reunir, orando ou torcendo por um ano melhor, uma vida melhor, um mundo melhor.
São feitas muitas previsões para o ano de 2015, mas, para os cristãos, o futuro pertence a Deus.
Qual será a vontade de Deus para o ano novo? Sabemos que Ele deseja para nós - porque nos promete isso na Sua Palavra - caminhos de paz. Entretanto por vezes permite que obstáculos atravessem nossa jornada.
Conviver com as "pedras" é para os fortes. E sabemos: "Tudo posso naquele que me fortalece."
Somos fortes quando estamos com Deus.
Por isso, desejo a todos nós um ano com Deus! Pois havendo uma renovação de nosso interior, de nossos pensamentos, de nosso íntimo com Ele, experimentaremos Sua vontade, que é de paz, ânimo e alegria no Senhor!
Feliz 2015!


quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Revelação do mistério

" (...) Ora, àquele que é poderoso para vos confirmar segundo o meu evangelho e  a pregação de Jesus Cristo, conforme a revelação do mistério guardado em silêncio nos tempos eternos, e que, agora, se tornou manifesto e foi dado a conhecer por meio das Escrituras proféticas, segundo o mandamento do Deus eterno,(...) ao Deus único e sábio seja dada glória, por meio de Jesus Cristo, pelos séculos dos séculos." (Romanos 16:25 e 27)

A carta ou epístola aos Romanos foi escrita pelo apóstolo Paulo aos cristãos que se achavam em Roma. A carta termina com uma expressão de louvor a Deus e a Jesus, mencionando mistério e revelação.
Nos tempos do Antigo Testamento, durante a narrativa da história do povo de Israel ou nas profecias, há contínuas menções a Jesus, o Messias que viria e salvaria o povo, mas não há uma visão clara de Jesus como O conhecemos hoje. Naquela época, a figura de Cristo era uma promessa e um mistério. 

A época do Novo Testamento e dos apóstolos, temos a revelação de Cristo, o Prometido Rei desde os séculos eternos, o Filho de Deus, que se torna manifesto e que vem a este mundo para salvação. 

Todo aquele que crer em Cristo como Deus, e decidir-se a segui-lo, estará um dia com Ele no Céu. Glórias a Deus por isto!

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

O resplendor da glória

"Ele, que é o resplendor da glória e a expressão exata do seu Ser (...)" Hebreus 1:3
Os anjos cantaram nas colinas de Belém:"Glória a Deus nas alturas e paz na terra entre os homens de boa vontade!", convidando os pastores a adorar Jesus, que nascia como um humilde bebê na cidade próxima.
Eles, que aguardavam ansiosamente a vinda do Messias, deixaram de lado suas ovelhas e correram a adorá-lo e glorificar a Deus.
Na realidade, conforme o versículo do apóstolo Paulo em Hebreus, Cristo é o resplendor da glória e a expressão de Deus. Cristo Jesus deixou a glória dos céus e veio habitar entre nós.
E, para glorificarmos a Cristo em nossa vida, deixemos Sua bondade, Sua justiça, Sua paz, Seu perdão e Seu amor habitarem em nós.
Os sinos do Natal estão tocando com essa mensagem! 


terça-feira, 18 de novembro de 2014

Do Senhor é a terra e o mar




Louvem-no os céus e a terra, os mares e tudo quanto neles se move. Salmos 69:34

Meu neto teve ocasião de passar dias maravilhosos com alguns colegas de turma junto a este local belíssimo que mostro na foto - a ilha de Itaparica, na Bahia, costa nordeste do Brasil.
Os monitores organizavam muitas atividades de lazer e eles tiveram dias ocupados e divertidos.
Vejo motivos para louvor na oportunidade de estar com os amigos no fim deste ciclo de estudos - o ensino médio, no fato de ter realizado a viagem com segurança e no fato de ter tido a oportunidade de ver um ponto privilegiado da natureza, testemunho de que temos um Criador amorável, que criou com especial cuidado um lugar para seus filhos habitarem aqui.

domingo, 16 de novembro de 2014

Antes de estar encantada



"Seguramente a serpente morderá antes de estar encantada, e o falador não é melhor." Eclesiastes 10:11

Na minha versão da Bíblia este versículo foi traduzido assim: "Se a cobra morder antes de estar encantada, não há vantagem no encantador." Os dois versículos seguintes se referem às palavras - do tolo e do sábio. O verso acima se refere também às palavras - ao mau uso delas.
Um palestrante encanta a plateia com suas palavras, uma apresentadora cativa um grande público, um professor é maravilhoso ao contar histórias e apresentar o conteúdo de sua disciplina. Entretanto, de nada adiantarão essas palavras se antes de entrarem em cena ignoraram os fãs que pediam autógrafos ou um aperto de mão ou um jovem aluno que queria conversar por alguns segundos.
Sabem onde a serpente costuma morder principalmente? Em nossa casa, antes de sairmos apressados ou quando queremos resolver as atividades rapidamente e estamos estressados. Nossos familiares tenham cuidado com essa serpente doméstica.
Em casa ou no trabalho, o domínio próprio, um componente do fruto do Espírito de que nos fala o apóstolo Paulo, é indispensável para conter a língua dentro de seu cesto com segurança.
Quero que minhas palavras sejam agradáveis e encantadoras em meu trabalho - sou professora - mas também desejo que sejam doces e amáveis pela manhã ao acordar, durante as tarefas domésticas e antes de entrar em sala de aula.
Também desejo a bênção de receber palavras de paz, amizade, alegria e incentivo onde quer que esteja. Que assim seja também com vocês!


domingo, 2 de novembro de 2014

Lei do amor


"...mas amarás o teu próximo como a ti mesmo." Levítico 19:18

Essa é a lei do amor - amar as outras pessoas como amamos a nós mesmos. 
Você pode ter ficado em dúvida sobre a localização desse versículo na Bíblia.
No Antigo Testamento? Mas não foi Jesus quem falou sobre a lei do amor e sobre um novo mandamento?
Jesus estava se referindo ao ensinamento dado por Deus já na época da jornada dos israelitas no deserto.
No mesmo capítulo, é recomendado que, na época da colheita, deveriam deixar uma parte do campo sem colher e não deveriam recolher do solo as espigas ou os bagos que caíssem ao solo, para o pobre e o estrangeiro. "...o canto do teu campo não segarás totalmente, nem as espigas caídas colherás da tua messe." Levítico 19:9 
Compaixão pelo outro, repartir o pão, amor - são princípios que existem desde a Antiguidade, criados por Deus.